FANDOM


Os estudantes da Academia visitam Sumire no hospital. Wasabi e Namida agradecem a ela por salvá-los, mas Sumire assegura os créditos ao Hokage por estar por perto. Shino se sente culpado como as aulas de experiência de trabalho foram idéia dele, embora Chōchō apenas diga a ele para aprender com isso. Iwabee aponta a frequência dos ataques, Denki e Lee compartilham suas experiências sobre como se sentiram. Boruto chega e pede desculpas a Sumire, sentindo-se responsável pela situação. Shikadai tenta falar com Boruto, que insiste que, se tivesse entregue a correspondência corretamente, eles teriam o dia inteiro para patrulhar e poderiam ter visto alguma coisa na usina de purificação de água.

Naruto chega, e quando Boruto pede a ele para dar uma olhada na investigação, Naruto o arrasta para outra sala, mostrando o agressor das garotas, quase com todo chakra drenado. Eles discutem o que Boruto deveria ou não fazer. Shino se responsabiliza pelas aulas de experiência de trabalho, sugerindo que se tratado como um adulto, Boruto pode mostrar a eles algo que eles não podem ver, e que, como professor de Boruto, ele sabe o que pode e não pode fazer. Naruto deixa a decisão com Shino. Shino não lhes dá passe livre, mas como eles o salvaram antes, ele tem respeito por eles.

Boruto, Mitsuki e Shikadai voltam para os correios, e ficam surpresos quando o Komame lhes diz para entregar as cartas. Tayori interveio por eles. Ao olhar para as rotas de entrega, Boruto considera que os clones das sombras tomam todos eles, mas seus próprios clones acham que isso colocaria muita distância entre eles. Os três entregam correspondência pela aldeia. Sumire da adeus a Wasabi e Namida, e observa da janela quando saem com os seus pais. Mitsuki chega com informações sobre o último ataque. Na cena, Sai encontra mais vestígios de evidências do uso de Liberação de Madeira. Sai quer investigar para ter certeza de que, se a Raiz estiver envolvida, quem estiver por trás disto não segue a mesma ideologia de Danzō Shimura. Depois que eles perdem outro ataque, Boruto considera a possibilidade que o fantasma conhece sua rota.

Para cobrir todas as rotas de correio de uma só vez, Shikadai pediu a ajuda de seus colegas, e para notificá-los se alguém encontrar um incidente, ele tinha Iwabee trazendo informações de sua experiência no local de trabalho na fábrica de fogos de artifício. Depois que eles saem, Komame simplesmente sente falta de alguém nos correios e é possuído pelo fantasma e começa a destruir o correio. Boruto e os outros chegam, tendo conseguido convencê-los a acreditar que todas as rotas seriam vigiadas, deixando o escritório desacompanhado. Boruto se prepara para lutar contra Komame, enquanto Mitsuki, Inojin, Chōchō e Lee perseguem o que controla o fantasma. Komame usa o cartas para atacar Boruto e Shikadai à distância onde Iwabee bloqueia com Liberação de Terra. Tayori protege uma das encomendas do ataque de Komame, e sua dedicação a isso enfraquece o poder do fantasma em Komame, permitindo a Boruto e Iwabee derrubá-lo.

O fantasma sai de Komame e Boruto joga uma marca explosiva enquanto desaparece. O indivíduo mascarado que controla o fantasma despista os outros. Mitsuki o encontra, mas os dois não se atacam, e Mitsuki o deixa fugir. Komame é levado embora, e Boruto lidera os outros na reorganização dos correios.

O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.