FANDOM


Sai investiga o esconderijo de Tanuki Shigaraki, um ex-pesquisador da raiz , que era um ávido seguidor de Danzō , e encarregado de desenvolver uma arma baseada nas células de Hashirama , com codinome Gozu Ten'nō. Apesar de não encontrá-lo, Sai encontra uma foto dele com uma garotinha e percebe quem é o culpado. Mitsuki revela a Boruto que Sumire é quem está por trás dos incidentes. Shikamaru informa Naruto da descoberta de Sai e na busca atual por Sumire. Kakashi chega ao escritório do Hokage, reivindicando a responsabilidade por si mesmo e Tsunade, tendo ambos decidido não expor as identidades de todos os envolvidos.

Apesar da explicação de Mitsuki de que Sumire interagiu com cada vítima, Boruto não está convencido de sua culpa. Como Mitsuki explica que o objetivo dos ataques foi absorver o chakra de suas vítimas, um estrondo vem do parque Senju. Naruto, Shikamaru e Kakashi discutem como proceder e como as coisas teriam acontecido se tivessem agido de forma diferente. Kakashi diz que sua investigação levou à descoberta de que o Gozu Ten'nō foi incorporado ao corpo de Sumire. Enquanto Sai e sua equipe rastreiam Sumire, ele resolve não deixar que esse incidente seja atribuído a pessoas ligadas a Raiz. Sabendo que ela foi descoberta, Sumire pensa nas palavras do seu pai de se vingar de konoha e se prepara para lançar seu último ataque. Antes que ela possa ser detida.

Enquanto isso Boruto e Mitsuki observam o Nue de longe, Boruto decide ouvir a verdade da própria Sumire. Depois que ele sai, Mitsuki é contatado através da cobra branca e é encarregado de eliminar Sumire. Kakashi chega e corta uma parte da cauda de cobra de Nue. Sai distrai Nue com um pássaro de tinta, permitindo que Kakashi e outros shinobi levantassem paredes em torno dele. De sua cauda cortada, vários outras caudas menores brotam, perseguindo os shinobi de Konoha, drenando o chakra daqueles que ele pode pegar. Mitsuki diz a Boruto que Nue vai drenar o chakra todos na vila e só parará se o usuário do jutsu morrer. Boruto está determinado a salvar a vila e Sumire. Mitsuki reconhece que é uma resposta que ele nunca daria e manifesta interesse em aprender mais sobre suas diferenças. Mitsuki cria secretamente um clone de cobra para conter Boruto, e sai para matar Sumire. Boruto consegue criar um clone e derruba o clone de Mitsuki. O olho de Boruto se ativa, permitindo que ele rastreie Sumire através de uma trilha de chakra.

Os shinobi limitam ainda mais os movimentos de Nue com uma barreira e fios. Naruto chega com a intenção de acabar Nue em um golpe, mas Kakashi o avisa que o Nue vai absorver apenas o chakra de Naruto, e possivelmente detonar, como Nue foi projetado para ser uma bomba suicida. Mitsuki rastreia Sumire, tendo colocado uma cobra branca nesta enquanto no hospital. Embora ele consiga enganar Sumire, a chegada de Boruto a deixa sair do controle de Mitsuki antes que ele possa acabar com ela. Sumire admite ser a culpada, tendo vivido apenas para levar adiante a vingança do pai. Boruto para Sumire e Mitsuki quando eles se atacam, e seu olho solta faíscas. Nue se transporta da barreira para onde Sumire onde ambos somem em um portal, cujo Boruto pula junto sob companhia de Mitsuki.

O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.