FANDOM


Kawaki é paralizado

Kawaki é surpreendido por Shikamaru.

Mitsuki e Boruto aparecem enquanto Sarada questiona Kawaki sobre o paradeiro de Naruto, mas o garoto é surpreendido pela contenção de Shikamaru, que repentinamente chega ao lado da Polícia de Konoha, pedindo em seguida a um dos policiais, Tasuki, para levantar uma barreira em torno da casa do Hokage, impedindo que qualquer um entre ou saia. Após relato do ocorrido na visão de Kawaki, Shikamaru revela sua desconfiança e decide mantê-lo contido por segurança, provocando a revolta de Boruto que acredita na inocência de seu amigo, mas o jovem Uzumaki se surpreende quando ele aceita a decisão do conselheiro.

Boruto e Kawaki Ōtsutsuki

Boruto e Kawaki são referenciados como futuros Ōtsutsuki.

Ainda em Konoha, Koji especula sobre a demora no retorno de Jigen e o resultado da batalha entre ele e Naruto, descartando uma derrota do líder da Kara e manifestando seu objetivo de aproveitar um provável enfraquecimento deste para derrotá-lo, retornando assim à base da Kara onde acredita que Jigen tenha ido para se recuperar. Paralelo a isso, no esconderijo da organização, Amado avalia o estado de Jigen enquanto conversam, com este demonstrando sua empolgação por Kawaki ser agora um receptáculo completo, revelando que ele e Boruto poderão "despertar" como Ōtsutsuki, tão fortes que uma poderosa Árvore Divina irá surgir. Amado observa Delta com semblante triste enquanto escuta seu líder garantir que seus desejos serão atendidos.

O jōnin encontra o vaso consertado

Um dos jōnin suspeita do vaso consertado.

Em Konoha, Boruto e Shikamaru discutem enquanto Kawaki relembra de momentos com Naruto, se questionando o porquê deste sempre tê-lo tratado bem, sendo amparado por Sarada que entende o sentimento ao confessar o seu próprio desejo de um dia ter querido Naruto como pai, aludindo o fato dele ser um ótimo líder e enxergar a todos como família. Logo em seguida, um dos jōnin aparece com o vaso remontado, desconfiando de algum ato terrorista do menino abrigado, mas Boruto toma para si e felicita Kawaki por ter conseguido terminá-lo, usando-o como exemplo para boa fé de seu amigo. Entretanto, Shikamaru permanece irredutível em sua opinião sobre as intenções de Kawaki.

Kawaki absorve a sombra

Kawaki absorve a sombra de Shikamaru.

A prótese começa a brilhar e Kawaki sente o chakra de Naruto, acreditando ser um sinal de vida do Hokage, acoplando novamente então a seu braço e ativando seu Kāma, que ressoa com o de Boruto, que observa surpreso a marca em sua mão mudar e contribuir com o de Kawaki para abrir um portal igual ao de Jigen. Kawaki dá-se conta que compartilha do mesmo poder de seu "pai", portanto, pode fazer uso das mesmas técnicas dele, decidindo usar isto para ir resgatar Naruto com a ajuda de Boruto, Sarada e Mitsuki. Entretanto, eles são impedidos por Shikamaru que os prende novamente com sua sombra, sendo esta absorvida pelo Kāma de Kawaki, que promete trazer uma prova de sua inocência ao conselheiro antes de atravessar o portal atrás do Time 7. Os quatro chegam à dimensão onde ocorreu a batalha entre Naruto e Sasuke contra Jigen e encontram Boro, que está guardando a chaleira onde Naruto se encontra. Boro e Kawaki se reconhecem e o último explica aos outros que ele é um membro da Kara tão perigoso quanto Jigen.

O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.