FANDOM


Por favor, note que este é um artigo da Wiki Naruto sobre o capítulo 668. Caso você esteja procurando o artigo sobre o volume com o mesmo nome, você deve ir para O Começo da Primavera Carmesim.

Embora tentem dissuadir Guy de sua decisão, seus companheiros logo percebem que seus esforços são infrutíferos. Confortando seu pupilo, lhe dizendo que não é o momento de olhar com tristeza, Guy corre para a frente para enfrentar Madara uma vez mais, abrindo o Oitavo Portão. Lembrando-se de seu pai Might Duy nestes momentos finais antes do confronto, Guy se lembra de como ele viveu sua vida, e, por sua vez, como ele próprio tinha amado a sua, pensando sobre os princípios de inabalável lealdade e verdadeira força interior até o último momento de sua vida onde seu pai Duy, em última análise, foi capaz de proteger Guy e seus companheiros de equipe Ebisu e Genma, de uma das gerações dos Sete Espadachins da Névoa. Embora Madara tente banalizar o ataque de entrada de Guy como nada mais do que as folhas que caem e apodrecem no outono, Guy o corrige, declarando que as folhas se tornarão alimento para as novas folhas na árvore antes de atingir seu alvo e atacá-lo com o Elefante do Anoitecer.

Curiosidades Editar

  • Este capítulo foi provavelmente feito em honra ao pai de Kishimoto, que faleceu em torno do tempo em que este capítulo foi lançado.
O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.