FANDOM


Com tudo sob controle, Sakura verifica se Sarada está bem e declara que ela é realmente sua mãe biológica. Sarada acredita nela e diz que ela aprendeu que o que é mais importante é a ligação que elas compartilham. Ela pergunta para seu pai se ele acredita nisto, para o qual ele confirma, com ele raciocinando que ele e Sakura a têm como sua filha. Sasuke então pergunta para Naruto o que eles devem fazer com os clones de Shin, e Naruto decide levá-los para o novo Orfanato de Konoha. Ao retornar para a aldeia, Chōchō fica aliviada ao saber que ela não é uma criança adotada depois de tudo. Sarada e seus pais têm o seu primeiro jantar de família antes de Sasuke retornar para sua viagem no dia seguinte. Antes de partir, ele percebe que Sarada está triste e a conforta abraçando-a e cutucando a sua testa, lhe assegurando que ele voltaria para casa em breve. Quando Sakura tenta receber carinho dele, Sasuke a ignora comicamente e começa a ir embora, dizendo adeus para elas, para decepção de Sakura. Os clones de Shin são deixados no Orfanato que é operado por Kabuto. Na academia, Boruto agradece Sarada por ter entregado o almoço a seu pai; no entanto, ela refuta que é ela quem deve lhe agradecer, porque ele a ajudou a perceber que seu sonho é se tornar Hokage, fazendo-o zombar disso. No esconderijo de Orochimaru, Karin critica Suigetsu por suas ações, dizendo que o cordão umbilical que ele usou para o teste de DNA era entre Sarada e Sakura. Karin revela que Sakura viajou com Sasuke em sua jornada enquanto ela estava grávida e que Karin a ajudou no nascimento de Sarada no esconderijo. Mesmo que ela ainda mantenha sentimentos por Sasuke, Karin diz que tudo o que importa para ela é que Sasuke está feliz. Na cena final, Sarada sorri enquanto observa a foto de família de seus pais com ela.

O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.