FANDOM


Jūzō Biwa (枇杷十蔵, Biwa Jūzō) foi um jōnin de Kirigakure e um membro dos Sete Espadachins Ninja da Névoa. No anime, Jūzo passou a se tornar um membro da Akatsuki, onde formou uma parceria com Itachi Uchiha.[2]

Personalidade Editar

Jūzō foi internacionalmente conhecido por sua brutalidade desumana.[1] No anime, ele foi mostrado sendo um indivíduo descontraído que era leal a Akatsuki, obedecendo as ordens de Pain, sem questioná-las. Ele preferiu abordar suas missões o mais profissionalmente possível, criando formações a fim de se sincronizar melhor com seu parceiro, Itachi. Ele odiava sua antiga aldeia ao ponto de não querer tomar qualquer missão no País da Água. Jūzō era um indivíduo solitário que não tinha ninguém mais em sua vida e, portanto, optou por não transmitir suas últimas palavras para Itachi antes de sua morte, só querendo ficar com sua espada premiada. Ele, no entanto, mostrou algum tipo de preocupação com Itachi, como ele disse a Itachi para fugir e se salvar, antes que os reforços cheguem.[3]

Aparência Editar

Juzo (Akatsuki)

A aparência de Jūzō durante seu tempo na Akatsuki.

Jūzō era um shinobi alto e magro — aproximadamente da mesma altura que a espada que ele carregava. Ele não tinha sobrancelhas, possuindo rugas sob seus olhos e uma cicatriz em forma transversal em sua bochecha direita. Ele também tinha marcas vermelhas (pretas no Naruto: Edição Colorida) cobrindo sua mandíbula em forma de grade. Ele usava uma camisa preta sem mangas apertada com duas listras finas no peito, um cinto de pano listrado e calça clara, juntamente com protetores de braço negros que se estendiam desde as mãos até seus bíceps. Jūzō também usava bandagens em volta de seu pescoço e rosto que também tapavam seus ouvidos e, como a maioria dos membros dos Sete Espadachins, ele também tinha dentes pontiagudos. Como membro da Akatsuki, Jūzō usava o manto padrão da Akatsuki juntamente com o protetor de testa cortado de Kirigakure para simbolizar seus laços rompidos com a aldeia e suas unhas dos pés e mãos eram pintadas de verde.[4]

História Editar

Passado Editar

Espachins da Névoa Anteriores

Jūzō e seus companheiros de equipe encontram o Time Chōza.

Quando Jūzō se juntou aos Sete Espadachins da Névoa, ele tomou posse da Kubikiribōchō, a qual ele usou muitas vezes para tingir os campos de batalha de vermelho com o sangue de seus inimigos. Este nível de brutalidade o tornou famoso em várias partes do mundo shinobi.[1] Em algum momento após a Terceira Guerra Mundial Shinobi, Jūzō e seus companheiros de equipe encurralaram uma equipe de Konoha consistindo de Might Guy, Genma Shiranui e Ebisu. Jūzō fica surpreso que os jovens ninjas sabiam de sua equipe e reconheceu a sua crescente fama. Antes de os espadachins poderem avançar ainda mais, eles foram confrontados por Might Duy, que ativou a Formação dos Oito Portões Liberados para permitir que seu filho e seus companheiros de equipe pudessem escapar.[5]

Jūzō vs Yagura

Jūzō enfrentando Yagura.

No anime, Jūzō sobreviveu ao encontro, juntamente com Raiga Kurosuki e Fuguki Suikazan. Após o incidente, Jūzō se tornou um nukenin e se juntou a Akatsuki. Logo após o Massacre do Clã Uchiha, Pain instruiu Jūzō para fazer parceria com um Itachi Uchiha recém-recrutado. Com o tempo, Jūzō e seu novo parceiro completaram várias missões juntos. Eventualmente, eles receberam uma missão no País da Água, para grande irritação de Jūzō. Depois de completar a missão, Jūzō e Itachi foram seguidos e cercados por uma equipe de ninjas caçadores liderados por Yagura, o Quarto Mizukage. Jūzō e Itachi foram capazes de derrubar a maioria dos ninjas caçadores, mas Yagura entrou em sua forma Versão 2 e lançou uma Bola da Besta com Cauda contra Jūzō.[4]

Jūzō Biwa ferido

Jūzō é empalado por sua espada.

Com pouco tempo para reagir, Jūzō tentou desviar o ataque com a Kubikiribōchō mas falhou, deixando-o mortalmente ferido. Depois de Itachi conseguir derrotar o Mizukage, Jūzō lamentou ter que morrer neste país, estendendo a mão para sua espada, a qual ele via como seu único e verdadeiro aliado. Ao morrer, por respeito, Itachi colocou os restos da Kubikiribōchō na mão de Jūzō. Após sua morte, sua espada caiu na posse de Kirigakure.[4]

Habilidades Editar

Jūzō com sua Kubikiribōchō

Jūzō empunhando a Kubikiribōchō.

Sendo um membro dos Sete Espadachins da Névoa, Jūzō foi um dos shinobi mais poderosos que Kirigakure já produziu. Como todos os membros de sua equipe ele tinha uma grande destreza durante a batalha e era altamente qualificado em kenjutsu. Empunhando a Kubikiribōchō, que pode se regenerar a partir do ferro colhido do sangue a partir de suas vítimas, Jūzō era forte o suficiente para tingir os campos de batalha de vermelho com o sangue de seus inimigos e ganhou infâmia internacional devido a isso.[1]

No anime, ele foi capaz de sobreviver contra Duy, que usou sua Formação dos Oito Portões Liberados, e suas habilidades lhe permitiram ser aceito na Akatsuki, uma organização cujos membros eram capazes de capturar jinchūriki. Ele também era um usuário da Liberação de Água qualificado, sendo capaz de criar clones de água e se envolver entorno de uma névoa espessa.[4]

Curiosidades Editar

  • Biwa (枇杷) significa nêspera, como todos os outros membros do Sete Espadachins Ninja, seu sobrenome é derivado de um tipo de produto.

Referências Editar

  1. 1,0 1,1 1,2 1,3 Quarto Databook, página 207
  2. Naruto Shippūden episódio 455
  3. Naruto: Shippūden episódio 456
  4. 4,0 4,1 4,2 4,3 Naruto: Shippūden episódio 456
  5. Capítulo 668, páginas 12-13

Iniciar uma Discussão Discussões sobre Jūzō Biwa

O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.