FANDOM


Kaiza (カイザ, Kaiza) era um pescador viajante que veio para o País das Ondas para buscar novas oportunidades.

PersonalidadeEditar

Kaiza e Inari

Kaiza após salvar Inari.

Kaiza era um homem muito corajoso; seu caráter era semelhante ao de Naruto e do Yondaime. Sua ideologia era nunca desistir de seus objetivos. Kaiza é mostrado como um patriota de sua terra natal e um grande protetor de seus habitantes, como ele tinha colocado sua vida em risco, tentando desesperadamente impedir a intervenção de Gatō no País das Ondas.

AparênciaEditar

A Família de Inari

A nova família de Kaiza.

Kaiza tinha cabelos pretos espetados e olhos pretos. Ele tinha uma pequena corda branca amarrada na cabeça, que estava amarrada no lado direito de sua cabeça e uma pequena cicatriz em "x" no queixo. Ele usava uma camiseta preta que tinha um esboço branco e um par de calças brancas. Ele também tinha cicatrizes em seus braços.

HistóriaEditar

PassadoEditar

A morte de Kaiza

A morte de Kaiza.

Depois de salvar Inari do afogamento, ele ensinou o menino tudo o que sabia sobre a vida, ressaltando que ele deve proteger as coisas que eram preciosas para ele. Ele casou-se com Tsunami, a mãe de Inari, e tornou-se o padrasto de Inari, bem como modelo. Quando Gatō tentou tomar o País das Ondas, Kaiza tentou detê-lo. Mas Gatō decidiu usar Kaiza para assustar qualquer um que tentasse ficar contra ele. Para fazer isso, ele fez seus capangas cortarem os braços de Kaiza e depois o executaram em público.[2]

HabilidadesEditar

Ele tinha uma resistência excelente; isso é mostrado, quando ele salvou a aldeia inteira de uma catástrofe: quando uma porta da represa se abriu acidentalmente, ele conseguiu nadar através da forte corrente de água para fechá-la.

CuriosidadesEditar

  • No anime os braços de Kaiza não são cortados, no entanto, são gravemente feridos por dois dos capangas de Gatō empunhando marretas.

ReferênciasEditar

  1. Primeiro Databook, página 58
  2. Naruto capítulo 20, páginas 4-18
O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.