FANDOM


Leo (レオ, Reo) é um jovem cidadão da Vila Tonika.

Personalidade Editar

Ele é bastante ousado, provocando sua irmã Miina pegando seus desenhos e chamando-a de estranha, bem como seu sensei Dokku de gordo. No entanto, ele mostra grande amor pelos dois, tentando proteger a sua irmã durante a destruição de sua aldeia, impedindo-a de ver corpos queimados, assim incentivando-a a passar para a aldeia vizinha. Ele também parece respeitar muito seu avô. Após o massacre de sua aldeia, ele é visto sendo mal-humorado por causa de Faz se lamentando, gritando a verdade desagradável e lamentando mais tarde. Ele é muito corajoso, não hesitando em atacar um shinobi anos mais velho que ele ou correr por uma ponte frágil, apesar de saber que poderia ser esmagado a cada segundo. Naruto o descreveu como "corajoso". Ele fica tão impressionado quanto seus amigos, admirando a capacidade bastante básica de Naruto para ficar de pé na água e tenta imitá-lo repetidamente assim como Faz e Lando. Ele mostra grande amor para/com a sua nova família, composta por Miina, Faz, Sora, Lando, Dokku, Shiseru e ele próprio.

Aparência Editar

Ele é um menino pequeno com cabelo preto curto. Durante o massacre de sua aldeia, ele usava simples pijama azul. Mais tarde, ele está vestindo uma camisa amarela simples, sapatos verdes e shorts marrons.

História Editar

Parte II Editar

Chikara Editar

Leo e Miina

Leo e Miina ficam se perguntando sobre as barras de Dokku.

Antes de ir para a cama, ele briga com sua irmã sobre um desenho de seu sensei Dokku, mas é interrompido por seu avô. Quando o massacre de sua aldeia começou, ele foi informado pela milícia local para pegar a sua irmã e se esconder dentro de sua casa. No entanto, a casa rapidamente pega fogo e parecia não haver nenhuma maneira de sair, fazendo os dois chorarem. Momentos antes de serem queimados vivos, ele são salvos por Dokku, que os leva para fora da aldeia. Seu sensei volta logo depois, dando sua jaqueta para Miina. Ele diz-lhes para ir para a Vila Hachō para pedir ajuda. Leo então encontra duas barras estranhas que caíram da jaqueta de Dokku. Após o massacre acabar, eles começaram a ir para a aldeia, mas exaustos demais para continuarem. Mais tarde, eles são encontrados por Dokku mais uma vez, que conseguiu salvar mais três crianças (Sora, Faz e Lando). Chegando na Vila Hachō, o grupo de sobreviventes poderia descansar na casa de Shiseru, fazendo Dokku lembrar dos tempos antigos. Em um ponto, ele, Faz e Lando foram pescar e, devido ao conhecimento de Lando, Leo conseguiu pegar um balde cheio de peixes. Depois de ouvir Faz lamentar que as coisas eram melhores quando ele vivia em casa com sua mãe, Leo grita que sua mãe já se foi, forçando Faz a quase chorar. O grupo é interrompida pela melodia de Miina em um xilofone de madeira. Quando eles chegaram em casa, Dokku]confunde Naruto e Sakura com inimigos e diz a todos para fugirem.

Naruto se apresentando para as crianças

Leo e os outros se desculpam com Naruto.

Como Naruto tenta resolver o mal-entendido, Leo para-o com um pontapé nas genitais. Ele então é visto correndo por uma ponte frágil e diz seu professor para fazer o mesmo. Este conselho acaba mal, mas momentos antes de Dokku e Miina caírem, Naruto consegue salvá-los. Após a introdução, o grupo cozinha e come juntos e tomam um banho depois. Leo fica tão surpreso quanto Lando e Faz pela capacidade de Naruto andar sobre a água e tenta com os outros dois executar esta técnica também. De qualquer forma, eles desistiram depois de muitas tentativas fracassadas. Ele é visto mais tarde dormindo pacificamente com os outros quatro.

Crianças decididas a salvar Dokku

Leo e as outras crianças decidem salvar Dokku.

No dia seguinte, ele e as outras crianças fazem com que Naruto, que estava aparentando doente treinassem-os. Na praia da Vila Hachō, ele parece triste, enquanto Lando, Sora e Faz choram sobre suas famílias, mas fica feliz, bem como quando Naruto nota que há de fato pessoas que cuidam deles, referindo-se a Shiseru e Dokku. Ele fica chocado, assim como o resto quando Shiseru bate em Miina após a última não parar de incomodar Naruto. Quando Disonasu e seu avô aparecem, ele alegremente abraça o avô, mas fica perturbado depois de descobrir que o seu avô estava reencarnado. Quando os reforços de Konohagakure chegam, Dokku e Shiseru conseguem tempo suficiente para levar as crianças para a segurança. Após Kabuto e suas tropas recuarem, Shiseru leva-os para casa, onde ficam chocados por várias horas, até que Faz quebra o silêncio, começando a chorar por Dokku, que foi sequestrado por Kabuto. Leo e os outros também começam a chorar, até que ele se acalma e incentiva-os a salvar Dokku por si mesmos.

Nova Família

A nova Família abraça Naruto.

Depois de pegar os dois sons restantes necessários para ativar o Saezuri, as crianças vão para as ruínas da Vila Tonika. As crianças foram recebidas por Kabuto e Disonasu, que estavam segurando o cativo, Dokku. O grupo testemunhou Disonasu ativar a Ama no Hoko e quando os Ninjas de Konoha estavam envolvidos pelos shinobi reencarnados de Kabuto, eles fogem do campo de batalha ao lado Shiseru. Durante sua fuga, quase foram atingidos por um raio causado pelo Ama no Hoko, forçando-os a voltar até Dokku, que afirma que ele podia detê-la como um ex-guarda da Vila Tonika. Quando se despediram, Dokku incentiva Leo a suportar os duros e tristes momentos que estão por vir e cuidar dos outros. Leo e os outros choraram quando seus novos pais abordam o Saezuri mas seguem-os quando Naruto perde o controle sobre si mesmo e, lentamente, toma a forma de Kurama. Após Miina parar influência de Kurama, Leo e os outros imploram a Naruto para salvar Shiseru, que cai de um penhasco no momento. Depois de Naruto salvar Shiseru e derrotar o seu clone, Leo e os outros ficam felizes e abraçam Naruto.

O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.