FANDOM


Por favor, note que este é um artigo da Wiki Naruto sobre a técnica. Caso você esteja procurando o artigo sobre o capítulo 659, você deve ir para Limbo: Lado da Prisão.

Limbo: Lado da Prisão é uma técnica que usa o poder do Rinnegan.

Uso Editar

Rinbo Hengoku (Madara expele o clone de Naruto - Anime)

Um clone ataca como uma súbita força invisível.

O usuário projeta uma sombra de si para o mundo invisível conhecido como Limbo (輪墓, Rinbo; Literalmente significa "Roda de Sepultura"). A sombra é geralmente impossível de detectar ou perceber visualmente, sem o Rinnegan. Este pode operar independentemente do usuário e atacar ou conter alvo(s), ou defender o corpo original de ataques, como a sombra era forte o suficiente para repelir todas as nove bestas com cauda em uma única instância. Durante todo o tempo a olho nu, parece ser o ato de uma força invisível. No entanto, Naruto Uzumaki ganhou a capacidade de sentir a sua presença depois de receber o Modo Sábio dos Seis Caminhos, enquanto Sasuke, é capaz de ver o clone perfeitamente com seu Rinnegan.[2] Com apenas um Rinnegan, Madara só pode produzir uma sombra. Com ambos seus Rinnegan no entanto, os números aumentam para quatro sombras.

Desvantagens Editar

Clone do Limbo

Possuindo um único Rinnegan, Madara é limitado a um clone.

Embora este vem a ser invulnerável a maioria dos ataques físicos, técnicas que fazem uso do chakra do Sábio dos Seis Caminhos podem causar danos à sombra. A desvantagem desta técnica é que a sombra do usuário, após um determinado período de tempo, retorna automaticamente para o seu corpo e ela é deixada temporariamente inutilizável. A sombra pode ser parcialmente combatida por imobilização ou selamento do corpo de uma forma que ele não pode se mover, agir, ou ser chamado de volta por seu corpo. Embora isso não derrote verdadeiramente a sombra, é eficaz para neutralizar a ameaça imediata que coloca no campo de batalha. Se as sombras receberem o dano de um ataque extremamente forte, as mesmas serão desfeitas.[1] Se o adversário também puder usar uma técnica de clone físico e detectar as sombras, eles podem distrair plenamente os clones, enquanto o oponente real envolve o usuário, reduzindo significativamente a eficácia da técnica.

Outras Mídias Editar

Limbo de Madara usando o Susanoo

Os clones de Madara usando o Susanoo.

  1. Limbo: Inferno (輪墓・地獄, Rinbo: Jigoku; Bandai: Limbo: Prisão do Submundo); um dos clones do Limbo de Madara ataca o oponente com um soco poderoso para baixo.
  2. Limbo: Prisão Celestial (輪墓・天獄, Rinbo: Tengoku); nessa versão, um dos clones do Limbo de Madara ataca o oponente com um soco poderoso para cima.
  3. Limbo: Prisão da Agulha (輪墓・針獄, Rinbo: Shingoku); cada um dos clones do Limbo de Madara se espalha ao redor do oponente e atacam com várias estacas, perfurando-o em diversos pontos.
  4. Limbo: Prisão do Combo (輪墓・連獄, Rinbo: Rengoku; Bandai: Limbo: Prisão do Purgatório); cada um dos clones do Limbo de Madara se espalha ao redor do oponente e o atravessam com um soco.

Curiosidades Editar

  • Ambos os furigana da primeira palavra (リンボ, Rinbo) e a segunda palavra (辺獄, Hengoku) referem-se ao Limbo, com リンボ sendo a maneira japonesa de escrever Limbo e 辺獄 sendo uma tradução real do significado da palavra.

Referências Editar

  1. 1,0 1,1 Quarto Databook, página 311
  2. Naruto capítulo 674, páginas 5-7

Iniciar uma Discussão Discussões sobre Limbo: Lado da Prisão

  • Dúvida sobre Limbo

    2 mensagens
    • *O limbo de Madara poderia usar o Susanoo, ou é apenas em games? Eu acho que seja possível, já que o limbo é uma manifestação do usuário.
    • De acordo com o quarto databook, sim ele pode. O data afirma que os clones de limbo podem utilizar as técnicas que o usuário possuí, ent...
  • Sasuke pode tocar num Limbo?

    5 mensagens
    • Sim, é possível interagir com o Limbo desde que possua Chakra/Senjutsu do Rikudou.
    • Já foi confirmado pelo próprio Sasuke que é possível causar danos nas sombras usando o chakra do Rikudou, independente se a sombra queira...
O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.