FANDOM


Shikamaru e Shiho pedem para Naruto se ele reconhece alguém nas fotos que conseguiram salvar. Naruto agarra uma das fotos. Em seguida, ele tenta se lembrar em como ele conheceu o homem na foto. Ele se lembra de um momento em que ele descobriu uma etiqueta com o nome Kisuke escrito nele. Quando Naruto está sentado em sua cama, ele vê um homem sentado do outro lado, e depois de perceber que ele é um "fantasma", ele começa a gritar. Naruto pergunta a ele quem ele é, mas o homem não se lembra. Depois de ver uma tulipa em Konoha, ele de repente se lembra quem ele é e como ele se tornou um fantasma. Ele era um agente da Anbu especializado em investigar possíveis espiões infiltrados em Konoha. Seu principal suspeito era Sabiru. Depois de seguir Sabiru, ele foi descoberto e os dois entraram em confronto. A batalha terminou com Sabiru tirando a alma de Kisuke e depois jogou seu corpo em um rio. Naruto (disfarçado como Kisuke) vai em uma reunião envolvendo o sistema de segurança de Konoha, e acusa Sabiru de ser um espião. Quando Sabiru diz que o real Kisuke está morto, Naruto escapa com Kakashi e Sabiru o perseguindo. Em algum ponto na perseguição, Kakashi pegou Naruto, e deu a Naruto uma chance para provar que Sabiru era o culpado do assassinato de Kisuke e sua esposa. Quando Sabiru confessou para Naruto que ele matou os dois, Kakashi apareceu, pronto para prendê-lo, mas foi rapidamente morto por Kabuto Yakushi para evitar que informações fossem vazadas. No final do dia, a alma de Kisuke está pronto para partir e diz adeus a Naruto. Naruto coloca um buquê de tulipas na lápide de Kisuke, assim como ele prometeu-lhe que iria fazer quando ele se lembrar dele.

O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.